Wednesday, August 09, 2006

Libano e Israel a là 1984

Mais um logro enorme que o mundo tem assistido é o que se passa actualmente no Libano. A primeira versão dos acontecimentos fala que tudo começou com a captura de 2 soldados israelitas dentro de território libanês, pelo Hezbolah. Sem esforço encontrei as noticias originais do dia 12 de Julho onde fala desta versão dos acontecimentos. Procurem por exemplo nas noticias do yahoo.fr, nas noticias da revista forbes.com e no asiantimes.com .
De repente a história é alterada tal como no livro 1984 e parece que sempre se disse que os soldados foram vitimas de uma emboscada dos terroristas libaneses dentro de território israelita. É a versão oficial, agora.
Se assim foi, é a primeira vez em 25 anos que tal acontece.
Mas ainda pior cheira a história da guerra em si. Já não bastavam as noticias bastante antigas de colaboracionismo, infiltração e financiamento do Hezbollah pela CIA e Mossad, agora é impossivel engolir que uma organização com tantos anos de coexistência com os israelitas tenham decidido embarcar numa luta suicida usando apenas uns pequenos misseis sem alcance ou precisão contra um arsenal praticamente ilimitado dos israelitas e americanos. Mas estão todos loucos? O lider do Hezbollah vivia em Beirute com a familia e nunca Israel se deu ao trabalho de o assassinar. E com tantas tacticas bem mais eficazes que os árabes podiam tomar, como por exemplo fazer explodir uma mesquita americana cheia de crentes árabes e culpar os EUA e Israel tal como fazem estes ultimos, em vez disso resolvem atacar com pequenos rockets contra um autentico golias bélico. Só dá para perceber se virmos primeiro quem ganha mais com isso. O Hezbollah não é de certeza, o Libano muito menos, mas quem ganha mais com isto de certeza são os israelitas que anseiam por ver os americanos no Irão. Provocar o Irão a reagir e culpa-lo por qualquer incidente com americanos ou outros ocidentais de modo a legitimar o ataque.
Assim temos reunidas as condiçoes necessárias a um incidente grave que amenize a opiniao publica quanto à necessidade de uma intervençao no Irão e na Siria. Haverá outra explicação?


http://fr.news.yahoo.com/12072006/202/liban-le-hezbollah-capture-deux-soldats-israeliens-sept-autres-tues.html

4 Comments:

Blogger Macillum said...

Agora imagina o que vai acontecer nas ruas das cidades europeias quando estalar a sério a guerra entre o ocidente e o médio oriente?
O que vai ser dos milhões de muçulmanos que residem na Europa?
Será que os europeus enlouquecerão?
Será que depois, para restaurar e manter a ordem nas cidades, as forças militares internacionais da O.N.U./N.A.T.O. aparecerão, novamente, como salvação dos povos e restauradores da paz?
Estará assim, deste modo, instituida a nova ordem mundial na Europa, de controle tecnológico e psicológico quase absoluto, justificado pelo ilusório terrorismo muçulmano?
Nos E.U.A. o acto patriótico foi erguido com essa desculpa e até pela casa a dentro das pessoas já entram sem qualquer mandado de captura, ou seja, sem ter de esperar a decisão de qualquer juiz.
Só o futuro dirá... ou não dirá: somos cada vez mais a saber do que se passa!

6:30 PM  
Blogger Zaratustra said...

O Tavistok Institute, o Council on Foreign Relations, o Banco Mundial, o Fundo Monetário Internacional, a Comissão Trilatral... terá esta gente um dia o seu "Nuremberga" ?

11:11 PM  
Anonymous Anonymous said...

Genial como sempre este seu post. Que falta senti deles durante o tempo que nao escreveu.
Nuremberg foi mais uma farsa onde sosias e arraia miuda foi julgada.
Continua obrigatoria a visita a este seu blog pela qualidade dos posts e dos comentadores.
Parabens a todos por serem como sao.

11:33 PM  
Anonymous Anonymous said...

http://meta-politics.blogspot.com

4:11 PM  

Post a Comment

<< Home

Site 
Meter