Tuesday, August 12, 2014

Sem rodeios, a situação é esta...

Não vale a pena estar com rodeios, a mensagem é urgente, o conteúdo é inevitável na minha opinião.
A crise a que este blogue se referia desde 2004 e que começou oficialmente em 2008 vai desenrolar-se até 2027, sendo que a sociedade apenas dirá que se livrou da mesma por volta do ano 2032.
Não é futurologia, nem astrologia, nem bola de cristal.
É a inevitabilidade de um caminho que já não pode ser descaminhado.
Poderão perguntar se é possível a economia piorar durante tanto tempo. Bem sei que não pode, de facto acredito que a economia recuperará algum folego até 2016, mas a crise, enquanto fenómeno, tem várias facetas, e as piores ainda estão para vir.
Dirão os novos leitores do blogue que sou catastrofista e que me baseio em coisa nenhuma para fazer estas previsões.
Tomara que estejam certos, mas aconselho vivamente a leitura do blogue desde a sua concepção, e depois releiam este texto com o mesmo estado de espírito.
O que mais me impressiona são as sementes do que está para vir que acabaram de germinar, sendo possível antever o que irá suceder com uma clareza até aqui inexistente.
Lanço o desafio de referirem eventos actuais que levarão ao auge da crise nacional e global, no inicio da próxima década.

2 Comments:

Anonymous Anonymous said...

A deflação

6:04 PM  
Anonymous Anonymous said...

Que medidas achas que podemos tomar para nos salvaguardarmos.

Cumprimentos

3:06 PM  

Post a Comment

<< Home

Site 
Meter